Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > Junho > Profissionais de imprensa podem inscrever seus trabalhos no Prêmio Nacional de Educação Fiscal

Notícias

Profissionais de imprensa podem inscrever seus trabalhos no Prêmio Nacional de Educação Fiscal

Prêmio

As melhores reportagens sobre o tema receberão prêmios de até R$ 3 mil
publicado: 13/06/2018 15h38 última modificação: 20/06/2018 11h59

A sétima edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal, na categoria voltada a profissionais de imprensa, está com as inscrições abertas até o dia 28 de setembro.  Os interessados concorrerão a premiações em dinheiro e troféus. A iniciativa é promovida  pela Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite) em parceria com a Escola de Administração Fazendária (Esaf), Receita Federal, Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e com o Programa Nacional de Educação Fiscal (Pnef).

Para concorrer, as reportagens precisam ter sido publicadas a partir de janeiro deste ano até a data limite de 28 de setembro em mídias impressa, TV, rádio ou internet. A premiação tem como objetivo promover a discussão sobre a importância social dos tributos, o acompanhamento da qualidade na aplicação dos recursos públicos, o combate à sonegação fiscal, a transparência na disponibilização de informações públicas, além de identificar e reconhecer iniciativas bem-sucedidas no país.

As inscrições para a categoria devem ser feitas pelo endereço www.premioeducacaofiscal.org.br. Os nome dos jornalistas vencedores serão anunciados em solenidade de premiação que acontece no dia 28 de novembro, em Brasília. O 1º lugar receberá o valor de R$ 3 mil em dinheiro e o 2º lugar R$ 2 mil.

Além da categoria voltada à imprensa, a 7° edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal possui categorias voltadas a escolas – que premiará três instituições – e uma para órgãos públicos, da quão sairão dois vencedores. Para esses públicos as inscrições no prêmio terminam no dia 13 de julho. Os interessados devem preencher o formulário online, disponível no site www.premioeducacaofiscal.org.br.

Ao todo, serão R$ 43 mil reais em prêmios que vão de R$ 2 mil a R$ 10 mil.

Sobre o prêmio

O Prêmio Nacional de Educação Fiscal foi criado em 2012 pela Febrafite em parceria com a Esaf, a  Receita Federal e com o Programa Nacional de Educação Fiscal (Pnef) e demais parceiros. Ao longo das seis edições, foram mais de 600 projetos inscritos de todas as regiões do país, impactando milhares de brasileiros.

Quem apoia – A premiação conta com apoio de entidades públicas e privadas, entre elas: o Centro Interamericano de Administrações Tributárias (CIAT), o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID); o Encontro Nacional de Coordenadores e Administradores Tributários Estaduais (Encat), a OAB Nacional e a Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp).

registrado em: