Você está aqui: Página Inicial > Museu > Museu da Fazenda Federal > Exposição Vozes da África

Projeto “Museu Convida” traz exposição "Vozes da África"

Logomarca dos Museus do Ministério da Fazenda

Com o objetivo de mostrar a diversidade da cultura africana, a equipe do Museu da Fazenda Federal trouxe ao Edifício Sede do Ministério da Economia no Rio de Janeiro (também conhecido como Palácio da Fazenda) a exposição “Vozes da África”, do artista Chris Acyoli. Parte do projeto “Museu Convida”, a exposição está no térreo do prédio e pode ser visitada gratuitamente até o dia 17 de julho.

Segundo Chris Acyoli, a exposição procura levar aos visitantes um novo olhar sobre a África, a partir de esculturas que retratam personalidades do continente e elementos culturais, religiosos e ambientais.

Natural de Natal e morador do Rio de Janeiro, Chris Acyoli trouxe para suas obras referências de sua infância, além de ter buscado também representar uma relação entre a África e o Brasil, traçando paralelos entre o Nordeste brasileiro e o continente africano.

Para o artista, as esculturas são um meio de expressão, e sua técnica preferida para trabalhar é a cerâmica. “A cerâmica permite que o próprio artista produza sozinho, e eu costumo colocar energia em meus trabalhos”, afirmou.


Exposição Vozes da África - 1          

Exposição Vozes da África - 2


Exposição Vozes da África - 4


Exposição Vozes da África - 5

Da esquerda para a direita: Letícia Manieri Piedade (da equipe do Museu da Fazenda Federal), Chris Acyoli e Vera Bittencourt (também da equipe do Museu). A escultura na foto é a representação do Comandante Shaka Zulu, líder dos zulus


Texto e fotos: ACS/Samf-RJ